\

Sejam bem vindos. O objetivo deste Blog é informar as pessoas sobre os mais variados assuntos, os quais não se vê com frequência nas mídias convencionais, em especial acerca dos direitos e luta da juventude e dos trabalhadores, inclusive, mas não só, desde o ponto de vista jurídico, já que sou advogado.

domingo, 20 de maio de 2012

RECEITA DE DOMINGO: Bife Marinheiro à moda Cavalheiro

Amigos e amigas leitores,

Faz tempo que eu não posto nada de culinária aqui no Defesa. Muitos dos leitores mais novos, acredito, sequer sabem que nosso Blog é afeito a essas delícias. 

O certo é que, em um deste finais de semana, em face de uma visita que receberia em minha casa , decidi fazer um prato especial, mas que ao mesmo tempo fosse de fácil execução, uma vez que ando extremamente sem tempo por estes dias, porquanto, após uma forte dengue e, logo em seguida, o adoecimento de uma das componentes da equipe de meu escritório de advocacia, meus compromissos profissionais estão me cobrando mais do que o comum.

Entretanto, na hora de iniciar o preparo do jantar, deparei com um imprevisto, que não vale à pena aqui especificar, que me obrigou a optar por um prato diferente daquele que eu tinha inicialmente planejado em preparar.

Aí optei pela delícia que dívido com vocês, meus amigos(as) leitores(as): Bife Marinheiro ao Forno, com algumas mudanças na receita original, que me permiti chamá-lo de à moda Cavalheiro…

Um prato fácil e delicioso. 

Eis a receita:

BIFE MARINHEIRO AO FORNO À MODA CAVALHEIRO

Ingredientes:

1,5kg de bifes de alcatra ou patinho
10 dentes de alho amassados
2 cubo de caldo de carne
1/2 garrafa de vinho tinto seco
Sal a gosto
5 cebolas grandes cortadas em rodelas
5 batatas cortadas em rodelas finas
5 tomates sem sementes picados
1,5 xícara (chá) de óleo
2 pitadas de alecrim seco
5 pitadas de orégano
Azeitonas a gosto.
2 colheres (sopa) de salsa picada para polvilhar

Modo de preparo

Aqueça a metade do vinho, com os dois cubos de caldo de carne, o alecrim e o orégano (caso queira use também cominho). Tempere a carne com o alho, o caldo de carne dissolvido no vinho quente e sal. Deixe descansar por 1 hora para tomar gosto. Em um refratário, devidamente untado, alterne camadas de bife, cebola, batata, tomate e azeitona. Regue com o molho do tempero e o óleo. Cubra com papel-alumínio e leve ao forno médio, preaquecido, por 40/50 minutos. Retire do forno e polvilhe com a salsa. Sirva em seguida. (para 1 ½ de carne são necessários dois refratários.

Observação: O papel alumínio é essencial para o cozimento das batastas. Se não usá-los (o que aconteceu comigo, pois o prato fiz na emergencia e não tinha papel em casa) e as batatas, após o tempo de forno acima especificados continuarem duras, faça como eu fiz: transfira as batatas  - com as cebolas, os tomate, as azeitonas e o caldo produzido pelo processo de assamento - para uma panela de pressão. Acrescente o restante do vinho e agregue uma bisnaga de molho madeira pronto (aquelas compradas no supermercado). Feche a panela e após começar a ferver, deixe no fogo por uns cinco minutos (o tempo varia de acordo como esteja as batatas). Após, devolva as batatas, a cebola, a azeitona e o molho para os refratários e deixe no forno por mais cinco minutos. Em seguida é só servir e deliciar seus convidados.

Acompanha arroz branco.

Rendimento: 10/13 pessoas

Adriano Espíndola Cavalheiro

Nenhum comentário:

Ultimas postagens